Qual a importância da sociedade?

Alguém nasce sabendo?

Se a resposta for não é exatamente porque dependemos dos outros para sabermos qualquer coisa. Mas o modo como aprendemos isso se dá de maneira processual, não é de uma vez, pois aos poucos, vamos aprendendo como é viver em sociedade. Esse processo de aprendizagem chama-se SOCIALIZAÇÃO.  Sendo assim, mormas, saberes, valores, crenças, modos de pensar… tudo isso depende da socialização. Mas o que aprendemos varia de sociedade para sociedade, de época para época. Mas faço a seguinte pergunta: Podemos prescindir da sociedade? Ou seja, viver sem a sociedade? Por quê?

Vimos em sala o vídeo editado do filme “O menino selvagem”, de François Truffault e o posto aqui para vocês refletirem novamente e tentarem responder a essa questão. bjo e até quinta!

PS.: Para quem tiver interesse, o filme está completo no youtube. É só assistir.

About these ads

17 thoughts on “Qual a importância da sociedade?

  1. Olá professora, tenho uma duvida, meu professor atual me passou isso e eu estou solicitando, por gentileza, a ajuda da senhora.

    “No estado de natureza, para o filósofo John Locke, os homens vivem em situação de paz. Porém, ele entende que esse estado de paz é ameaçado quando um homem coloca outrem sob seu poder e o submete à sua vontade. Rompe-se, assim, o estado de natureza e instala-se o estado de guerra. Para recuperar o estado de paz, é necessário que os homens se unam em um contrato por meio do qual evitem os inconvenientes do estado de guerra. Nesse contrato, os homens concordam que, para evitar que eles fossem usurpados, deveriam eleger um governo, ao qual caberia defendê-los. Assim, todos deveriam respeitar a vida, a propriedade e a liberdade, e o governo ou o Estado seria responsável pela manutenção da paz”
    A partir da análise do fragmento acima vamos discutir sobre qual a eficácia do Estado e governo para manter a paz? Se cada um é livre, tem o direito à propriedade e à defesa da própria vida, como nós não acabamos com a situação de guerra de todos contra todos? Qual a origem do egoísmo e individualismo tão presente na sociedade moderna?!

    Sem mais,obrigada.

    Celso Roberto Nadilo

    • Oi, Celso! Que legal que vc continua estudando. Então, são perguntas bastante abrangentes e interessantes para o debate, mas acho que seria interessante pensar nos limites desse ideal do liberalismo do Locke, pois vemos na sociedade moderna quanto essa ideia do Estado como mero mantenedor da paz para aqueles que são proprietários, diga-se de passagem, é comprometida por uma sociedade individualista e marcada por imensas desigualdades. Acho q vc poderia ler algo sobre o Rousseau, não sei se vc lembra da nossa primeiras aulas? Mas discutimos sobre o contrato social em Locke, Hobbes e Rousseau. Enfim, pesquise algo que se oponha a esta ideia de liberdade baseada apenas na noção de propriedade, e veja o peso que a falta de igualdade de condições implica, usando os argumentos de Rousseau. Espero que tenha ajudado. bjao

  2. Leonardo Queiroz, 1°A

    Não podemos prescindir da sociedade de forma alguma, todos nós precisamos passar pelo processo de socialização primária e secundária. Uma pessoa que não passa por esse processo, terá muita dificuldade quando for viver em sociedade igual vimos no vídeo. Esses processos de socialização podem ser feitos atrasados, mas de maneira alguma deixar de serem feitos. Assim como vimos no vídeo o menino passou pelo processo de socialização primária com uma idade avançada, mas ele conseguirá viver em sociedade normalmente quando for mas velho. Graças ao Homem que acreditou que o menino pudesse ser reeducado e não desistiu dele.

  3. Bom, aprendemos que passamos por um processo de socializaçao meio que obrigatoriamente, normalmente os maiores protestos sao das mulheres mas os homens tambem tem seus direitos e sentimentos que nao podemos expresar por causa da tal socialização, entre outras coisas.Essa é uma parte da minha visão sobre o video e a vida na sociedade mundana.

    • É verdade, Pablo. Como aquele exemplo que citei em sala sobre os problemas cardíacos incidirem mais sobre os homens, pela forte repressão às emoções. Mas você está pensando em que exatamente? Por que você acha que os homens também sofrem com a socialização?

  4. ENTÃO PROFESSORA, FUJINDO UM POUQUINHO DO ASSUNTO…. ACABEI DE ASSISTIR UM DOCUMENTÁRIO NO CANAL TV CULTURA, SOBRE A FOME, A MORTALIDADE INFANTIL E VÁRIOS OUTROS TEMAS QUE ELES ABORDAM. ACHEI INTERESSANTE E GOSTARIA QUE A SR. DESSE UMA OLHADINHA. PEGUEI ESSE LINK, PORQUE ELE RESUME MAIS OU MENOS O DOCUMENTÁRIO. (http://cinema.uol.com.br/ultnot/2009/05/28/ult26u28373.jhtm) … ACHO QUE SERIA INTERESSANTE VOCÊ ABORDAR ESSE TEMA NAS NOSSAS AULAS. bjs

    • Oi, Jonny! Valeu a dica, vou dar uma olhada, sim. No 4º bimestre nós falaremos um pouco sobre desigualdades sociais, talvez consiga utilizar o documentário. Valeu, mesmo. bjao

      • Francielly, dê uma olhada nos posts sobre socialização do 1 ano, dos mais antigos até o último, se vc ainda tiver dúvidas sobre essa questão, que é bastante complexa, a gente conversa. bjao

  5. Lucas Abreu 1C

    Desde o nascimento nos é ensinado o que é certo e errado e a partir disso reproduzimos os valores impostos pela sociedade,quando adolescentes somos muito mais influenciados pela sociedade do que pelos pais,influência dos amigos,comerciais de televisões,redes sociais,etc….

  6. Oi, Lucas! Desculpe por ter demorado a responder. Então, você tocou no ponto principal do tema: reprodução de valores impostos. Embora a frase tenha um peso muito grande, pois parece que somos “vítimas” da sociedade, esquecendo que também somos agentes nessa mesma sociedade, o conceito de socialização vai de encontro com o a ideia de aprendizado em diferentes momentos da vida, e você está certo quando percebe que os pais vão perdendo sua influência para outros grupos e relações sociais que vivenciamos conforme vamos amadurecendo. Mas, o que vc pensa disso? Senti uma pontinha de desapontamento em seu comentário. O que você acha da maior influência das mídias, comerciais, redes sociais na vida dos adolescentes?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s